Curva de contágio da Covid-19 aumenta após Natal, Ano Novo e Carnaval

17ª Regional de Londrina mostra aumento da curva de contágio do coronavírus pós festas de fim de ano e Carnaval e pede à população que evite aglomerações nos próximos feriados


O Chefe de Vigilância Felipe Remondi explica que houve redução na taxa de positivados no mês de março, com registro de 32%, enquanto que o número já chegou a 45% em momentos mais críticos. Mas alerta que a aparente melhora não significa estabilização.
É preciso considerar as oscilações pós feriados, a mudança no perfil das vítimas, com número de óbitos crescentes entre os mais jovens e as dificuldades em avaliar o impacto das novas variantes P1 e B117 no cenário epidemiológico. Remondi diz que estamos sim vivendo um colapso no sistema de saúde e que é preciso encarar a situação com clareza.
As informações foram apresentadas na coletiva do Comitê de Crise, na sexta-feira (26), no Anfiteatro do CCB/UEL.
Ouça:

Eliete Vanzo

Confira outros destaques:

– Paraná ultrapassa a marca de 1 milhão de pessoas vacinadas contra a Covid-19. Em Londrina, são mais de 50 mil com a primeira dose do imunizante

– Enfermeira do HU explica como funciona dispositivo de espuma encapada por internos da PEL 1 que vai ajudar a prevenir lesões e broncoaspiração em pacientes acamados com Covid-19

– Rodas de Conversa sobre saúde mental, promovidas pelo Serviço de Bem-Estar à Comunidade da UEL, têm retorno nesta quarta-feira (31)

– Estreia esta semana a coluna “Saúde! Cuidados que valem uma vida”. Daqui a pouco você vai conhecer os médicos especialistas que estão produzindo novos conteúdos

– Projeto Café com Quê, do Sesc Cadeião, está com inscrições abertas até quarta, dia 31. Samantha Abreu, técnica de literatura, esclarece áreas que vão ser contempladas e o passo a passo do edital

1
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn